Previdência privada: 6 vantagens que só o corretor pode te contar

Vamos falar sobre previdência privada? Em 2018, o INSS apresentou um déficit de R$ 268,8 bilhões em suas contas. Em 2019, esse valor deve ultrapassar os R$ 500 bilhões. A possibilidade de o governo não conseguir honrar o pagamento dos benefícios ou até mesmo de ter que arcar com parte de suas atividades paradas nunca foi tão real.

É por isso que  investir em previdência privada no Brasil está se tornando um bom negócio. Além da segurança de receber realmente a sua aposentadoria, existem outras vantagens de uma previdência privada que só o corretor pode te contar.

A seguir, nós contamos para você alguns destes segredos.

 1 - Previdência privada pode ser um investimento altamente rentável

Uma das vantagens da previdência privada em comparação com a previdência pública, por exemplo, é que ela pode ser um investimento muito mais rentável, já que se assemelha a um fundo de investimento, no qual o capital permanece investido por um longo período e é gerido por especialistas no mercado financeiro. Eles definem onde serão alocados os recursos, buscando sempre a melhor rentabilidade de acordo com o plano contratado.

Existem planos mais conservadores, por exemplo, onde o dinheiro é alocado em títulos públicos e outros ativos de renda fixa atrelados à Selic, que garantem baixo risco e garantia de rentabilidade maior que a poupança.

Algumas opções mais agressivas alocam boa parte dos investimentos em ações, dando a possibilidade de receber ganhos altos, porém com certo risco.

2  - Você tem total liberdade de escolha sobre onde e quanto aplicar

Enquanto a previdência social é obrigatória e não te dá nenhuma opção de escolha, a previdência privada apresenta uma ampla gama de opções.

Você pode escolher em qual seguradora ou banco fará sua carteira de previdência privada, quais os tipos de serviços contratados, qual o valor mensal a ser investido e até mesmo em qual tipo de investimento prefere concentrar seus recursos, sejam eles mais conservadores ou arriscados, como explicamos anteriormente.

3 – Você pode fazer a retirada a qualquer momento

Este tipo de previdência traz mais flexibilidade, sendo possível tirar o seu investimento antes do prazo determinado, sem muitos prejuízos. Enquanto isso, na previdência pública, existem diversos impedimentos legais e burocráticos para que você consiga retirar o seu próprio dinheiro.

Além disso, é possível escolher a forma que será feita esta retirada, podendo ser tudo de uma vez ou com retiradas mensais.

4 – Dedução do imposto de renda com a modalidade VGBL

Existem duas modalidades de previdência privada: o PGBL e o VGBL. Cada um deles possui características específicas. Porém, no caso do VGBL, o imposto de renda incide apenas sobre a rentabilidade acumulada, o chamado ganho de capital, e não em todo o valor resgatado ou na quantia recebida.

Por esse motivo, ele costuma ser sugerido para quem não faz declaração de imposto de renda ou faz apenas a simplificada.

A vantagem é que o desconto do imposto é feito apenas no final do contrato, no momento de resgatar os seus rendimentos. Não é feito desconto enquanto você está pagando as parcelas, apenas um pagamento único de acordo com os rendimentos recebidos.

O VGBL possui uma tabela de tributação progressiva e regressiva, sendo a última mais interessante para quem quer deixar o dinheiro parado por mais tempo, para utilizá-lo como uma forma de aposentadoria futura.

Caso seus investimentos durem 2 anos, pode ser tributado até 35%. No entanto, se o investimento durar mais que 10 anos, é tributado apenas 10% do seu rendimento. Assim, quanto mais tempo seu dinheiro fica investido, menos é tributado e mais você ganha.

5 – Previdência Privada é uma excelente opção para sucessão patrimonial

Outra grande facilidade da previdência privada é a de transmissão dos bens em caso de sucessão familiar.

A própria modalidade VGBL, citada anteriormente, por conta de sua forma de investimento e tributação, torna-se uma excelente alternativa para quem tem este objetivo, pois esse tipo de benefício pode ser transmitido sem que haja incidência do imposto de renda.

É possível que seja definido quem receberá o dinheiro aplicado após o falecimento do investidor. Além disso, este valor não entra em inventário, nem espólio e ainda é transmitido rapidamente, sem burocracia.

6 – Ela pode salvar o futuro da sua família

Um investimento em previdência privada pode garantir o futuro da sua família. Afinal, com a incerteza do cenário atual, a segurança e facilidade da previdência privada podem garantir uma reserva financeira para imprevistos.

Se você ainda tem dúvidas de como fazer uma previdência privada, disponibilizamos gratuitamente um material muito prático para você ficar por dentro de tudo sobre a previdência privada. E também não deixe de falar com nossos consultores especializados. Eles poderão analisar suas necessidades e encontrar as melhores soluções para garantir um futuro tranquilo para você e aqueles que ama.

previdência privada