Seguro residencial e Seguro Patrimonial: semelhanças e diferenças

Comprar a casa própria, um carro ou abrir uma empresa são os principais objetivos de muitas pessoas. E quem já batalhou para construir seu patrimônio sabe a importância de garantir a integridade física e do bens. 


Quando o assunto é proteção patrimonial e garantia de qualidade de vida, os seguros são os produtos mais indicados no mercado. Neste artigo, vamos abordar as principais semelhanças e diferenças entre o Seguro Residencial e o Patrimonial.


Continue lendo para entender como preservar e garantir os seus bens sem precisar se preocupar com imprevistos!


O que é Seguro Patrimonial? 


De maneira resumida, o seguro patrimonial para empresas funciona como qualquer outro tipo de seguro. O cliente contrata uma apólice que prevê cobertura de gastos em itens pré-determinados, garantindo uma indenização em caso de imprevistos. 


Por meio de mensalidades, a empresa efetua pagamentos para garantir que o seguro possa ser acionado a qualquer momento. 


Existem algumas coberturas básicas como o seguro contra incêndios e desastres naturais, além da possibilidade de contratar coberturas adicionais de acordo com as necessidades da empresa.


O que é Seguro Residencial? 


O Seguro residencial é bastante parecido com o patrimonial. No entanto, ele é mais indicado para garantir a proteção de imóveis utilizados como moradia fixa ou veraneio. 


Ele também oferece as coberturas padrões contra incêndios, fenômenos naturais como a chuva, danos contra raios, etc. Além disso, permite a contratação de coberturas adicionais e algumas seguradoras oferecem serviços extras como chaveiros, encanadores e eletricistas.


Quais são as semelhanças entre os produtos?  


Apesar de serem indicados para finalidades distintas, os seguros residencial e patrimonial possuem uma série de semelhanças. A forma de contratação e diversas coberturas, no entanto, são idênticas.


Entre o pacote básico das duas categorias é possível contar com: 


  • Seguro contra roubos e furtos;
  • Cobertura para pagamento de aluguel;
  • Cobertura contra prejuízos causados por desastres naturais. 


Quais são as diferenças? 


O Seguro Patrimonial é ideal para micro e pequenas empresas, uma vez que garante a proteções básicas contra incêndios, queda de raio, explosões, roubos e furtos. 


Além disso, também é possível adaptar as proteções de acordo com a realidade do seu negócio, como a contratação da proteção contra acidentes com veículos. 


Por isso, o seguro patrimonial é responsável por reduzir as despesas básicas do cotidiano de uma empresa, garantindo tranquilidade e proteção para os empresários. 


Já o Seguro Residencial é mais indicado para imóveis utilizados como moradia, seja ela fixa ou não. Suas coberturas básicas são responsáveis por cobrir diversos tipos de prejuízos que podem acontecer no dia a dia.


Também é importante ressaltar a possibilidade de contratar uma série de serviços essenciais para a manutenção do seu lar. Muitas seguradoras oferecem serviços como: eletricistas, bombeiros, chaveiros e limpeza. 


Um fator fundamental para garantir a tranquilidade e a ordem da sua casa durante a quarentena


Como escolher entre o Seguro Residencial ou Patrimonial? 


A escolha do produto mais adequado depende diretamente das suas necessidades e objetivos. Também é possível contratar os dois tipos de seguro, um para sua residência e outro para a sua empresa.


No entanto, se você deseja comparar valores e coberturas, não deixe de entrar em contato hoje mesmo com nossa equipe especializada!